26.10.10

Felicidade gratuita

Por: Isadora Garcia

Uma lágrima emocionada varre meu rosto. Não sei bem porque ela invade minha noite; não consigo decifrar, muito menos pôr em palavras essa felicidade pura e sem motivo que me enche e completa.

O despertar de sentimentos bons, o crer num amanhã mais colorido, a certeza de um futuro mais próspero, recebo em avalanche tais inexplicáveis sensações e sorrio. Meu riso é bobo e inocente, já inerente a uma expressão de alegria presente.

Deixo aqui, portanto, este pequeno bilhete, registrando um momento mágico e indescritível de simples complexidade. Amarro a ele um sorriso, penduro junto a uma canção e isso basta para minha satisfação.

Um livro, um filme, uma amiga e uma canção. Coisas bobas que fizeram minha noite feliz. =)

2 comentários:

J. disse...

Paraéns pelo espaço Isadora.
Gostei muito do seu blog.
Continue sempre.

Um beijo

João Manoel Nonato disse...

Só pra dizer que estou com saudade do seu blog e vontade de ler coisas novas! =)